terça-feira, 31 de julho de 2012

O ouriço e os Beiruts

Da série "indicações", indico um livro e uma banda que já tinha ouvido várias vezes, mas não sabia o nome.
As pessoas dizem que eu tenho uma séria afeição por coisas esquisitas, mas eu só considero um gosto exótico.

O livro é " A Elegância do Ouriço", que eu ainda não li, mas sei que é bom. Acredito tanto nisso, que vou comprá-lo hoje e já o estou indicando. Só a resenha já me encantou, mas eu não tinha dinheiro pra comprar.

A banda se chama "Beirut". Quem escuta rádio de gente grande já deve ter ouvido e, como eu, nunca lembrava de prestar atenção ao nome da banda. Indiquei a um amigo e ele me disse que nunca ouviu nada tão estranho na vida, mas que tinha gostado.
Neste vídeo, eles cantam uma música que eu amo, do Caetano Veloso (ponto pro Caetano, que cantando em Português, encanta o mundo todo).
Eu particularmente tenho uma queda por gringos cantando em português (mais uma coisa esquisita) e acho a coisa mais linda do mundo o sotaque carregado.
Apesar de ser esquisito, dá uma chance pro cara e escute essa versão e também outras músicas. E meninas, tentem não se apaixonar quando ele canta "para desentristecer, leãozinho, o meu coração tão só...[...]Tua pele, tua luz, tua juba".

Detalhe que só vi depois que postei: o Gael Garcia Bernal está no meio desse povo! Amanda pira quando descobre. Um beijo pra quem vê-lo também.





Nenhum comentário:

Postar um comentário