segunda-feira, 4 de março de 2013

Anuncie aqui seu coração

"ANUNCIE AQUI SEU CORAÇÃO", dizia o anúncio. 

OK.
Posso utilizar apenas algumas palavras...
Mas, meu Deus, são tantas coisas que preciso dizer!
Como vou encontrar o homem perfeito em apenas dezesseis palavras? Acho que deveria ter ligado para aquele programa de madrugada na rádio, que promete encontrar o amor da vida de qualquer pessoa.

Estou pensando no que escrever há horas!
Já devia ter desistido...

Acho que vou tentar escrever um rascunho...
E se eu começasse pelo que as pessoas dizem ser importante?

Pois bem...

 "Ele deve ser cristão ,assim como eu..."...


Mas...
Espere!
Deus não me daria alguém que não O conhecesse. Eu também não me interessaria por alguém que não amasse a Deus... Então digamos que se isso já está em acordo, posso ir para características mais específicas...

Será que eu devo colocar que ele deve ser bonito?
Deus não deve ter dúvida disso...
Mas será que eu sei o que é realmente bonito?
E o que é bonito, deve ser bonito pra quem?
Será que eu sou bonita pra quem é bonito?
Ou será que um bonitinho serve?
Vixe... Isso tá confuso demais... E como dizem os mais velhos, "beleza não põe mesa", então acho que é uma parte negociável...

Falando em "por a mesa", bem que seria bom se ele fosse rico.
Pronto, falei...
Resolveria metade dos meus problemas e a outra metade ele pagaria pra resolver.
Daria pra viajar muito...
Se bem que eu não sou rica e já estive em oito países.
Já sei! Pra resolver de vez, eu deveria colocar: "Procura-se comandante solteiro disposto a se casar..." 
Mas aí seria relacionamento por interesse e eu não suportaria essa ideia. Também nunca me interessei por comandantes e estou muito bem, obrigada, sem necessidade de explorar qualquer homem.

Acho que deveria ser isso: "Procura-se alguém, para compartilhar uma vida e caminhar junto". 
Se bem que isso não é muito específico...
Tem tanto "alguém" que quer isso, mas não quer sair da 
 confortável zona do não compartilhar nada com ninguém. Além disso, caminhar junto com alguém que anda em velocidade diferente da minha, seria muito difícil. 


E falando em zona confortável, como encontrar pessoas fora deste lugar, digo, pessoas que não queiram estar sempre no mesmo lugar?

Como tenho horror ao plano de vida perfeito, das pessoas perfeitas, que tem história perfeita e morrem perfeitamente entediadas! 
O que seria da minha vida sem todas as curvas malucas que ela já deu? 
Quem mais tem algo de interessante pra falar além de seus atributos fúteis e desinteressantes??

Acho que estou dificultando demais...
Será um padrão tão impossível assim?
Será que existe ainda alguém interessado em poesia, cinema e livros? Que goste de Chico e também de Coldplay? Que se interesse por política e por fazer algo pelo país?
Acho que eu deveria colocar isso, mas é muita coisa e eu pareceria aqueles cults chatos, que se acham melhores que os outros. 


Então eu devo ser simples...

O que eu mais gosto de fazer na vida?

Seria bom que ele gostasse de fazer também...

Aliás, em que se resume a minha vida?

Seria ela uma grande viagem, cheia de lindas paisagens, caminhos tortuosos, livros ainda não lidos e uma trilha inacabada?! Não é a minha vida uma trilha a ser explorada, um desconhecido a ser desbravado e uma incrível jornada escrita por um grande Autor?

Minha alma desassossegada, que anda por tanta parte e vai amando tanta gente, precisa de alguém que não se conforme com o que tem e ama hoje.

Precisa de alguém que sempre queira ver e provar mais e, além disso, com um coração gigante, pra ir entrando mais gente e ir transbordando de mais amor!

Isso!!!
Eureca!

Eu já sei o que quero!
‎"Procura-se um amor, que goste de viajar e que não goste da zona de conforto. "

Se essa pessoa existir, eu sei que em algum dos meus desassossegos, a gente vai acabar se encontrando.

Eu espero por você, meu futuro parceiro nessa viagem, pra desassossegar ainda mais a minha vida e não deixar minha jornada ser solitária.

Espero que você leia esse anúncio o quanto antes, pra provar pra mim que você existe e que eu fui uma boba de desistir de acreditar nisso.

Te encontro.







Um comentário: